19.1.12

Os "Unitários-Universalistas" - religião de wiccas, ateus, budistas e cristãos!

Algumas religiões não-históricas, ou seja, mais contemporâneas, se impõe por sua singularidade em relação a coisas tais como proselitismo, exclusivismo salvacionista e estratégias mercadológicas, que invadem esses tempos de neo-pentecostalismo exacerbado. Essas, obviamente, acabam alcançando maior popularidade. Em outras religiões, contudo...

Mirzá Husayn Ali
Esse ínterim não é regra. Aliás, eles são tão pouco comentadas que acho que até desistiram de qualquer forma de proselitismo. Manifestações religiosas "de peso" como a fé Baha´i e o Xintoísmo, por exemplo, são desconhecidas de 95% das pessoas que conheço. Quando falo esses nomes, o que recebo é ????????

A fé Bahai, por exemplo, se auto-denomina "uma religião mundial, independente, com suas próprias leis e escrituras sagradas, surgida na antiga Pérsia, atual Irã em 1844. A Fé Bahá’í foi fundada por Bahá’u’lláh, título de Mirzá Husayn Ali (1817-1892) e não possui dogmas, rituais, clero ou sacerdócio". Qualquer um que lê um pouco sobre a fé Baha´i se "assusta" com sua abertura, compaixão e prática de uma religiosidade tolerante e bastante aberta. É uma forma de religiosidade muito interessante. Sua "abertura" e força sincrética tem sido alvo, inclusive, de ataques de grupos fundamentalistas, especialmente em países com o Irã. 

Outra religião com princípios semelhantes à fé Baha´i no que tange ao sincretismo e abertura religiosa é composta pelo grupo dos Unitários-Universalistas. Enquanto a fé Baha´i possui raízes históricas na mística islâmica, o Unitarismo-Universalista (UUismo) possui bases cristãs protestantes. O termo "Unitário" deriva das críticas ao conceito da Santíssima Trindade, que ganharam força com Servet ou Servetus, em meados do século XVI. Servetus foi queimado pela Igreja como herege. O termo "universalista" vêm de uma leitura onde todos podem ser "salvos", ninguém está previamente condenado por coisa alguma. Como se existisse um plano universal de salvação que incluísse toda e qualquer pessoa, e não apenas um grupo restrito.

O Uiismo é considerado uma exepressão religiosa, um "tipo de cristianismo", bastante liberal, e não recebe apoio das religiões cristãs mais tradicionais. Quando digo "liberal", entenda de maneira enfática. Veja:

1 - Você pode ser wicca e ateu e, ainda assim, ser UUista. Eles aceitam todas as crenças, inclusive a "não-crença";
2 - Os pastores podem ser bissexuais, transexuais, gays, etc;
3 - As músicas dos encontros podem ser pagãs e até Rock and Roll;
4 - Os feriados incluem desde o Yom Kippur até festas Wicca;
etc etc etc

Veja mais no site dos caras: http://www.uua.org/ (que é MEGA bem organizado!)